Tipos de Trabalhos Acadêmicos

Neste artigo vamos falar sobre os principais tipos de trabalhos acadêmicos que existem, elencando as principais diferenças entre eles.

Documento que apresenta o resultado de um trabalho experimental ou exposição de um estudo científico de tema único e bem delimitado. Deve ser elaborado com base em investigação original, constituindo-se em real contribuição para a especialidade em questão. É feito sob a coordenação de um orientador (doutor) e visa a obtenção do título de doutor, ou similar.

Dissertação

Documento que apresenta o resultado de um trabalho experimental ou exposição de um estudo científico retrospectivo, de tema único e bem delimitado em sua extensão, com o objetivo de reunir, analisar e interpretar informações. Deve evidenciar o conhecimento de literatura existente sobre o assunto e a capacidade de sistematização do candidato. É feito sob a coordenação de um orientador (doutor), visando a obtenção do título de mestre.

TCC - Trabalho de Conclusão de Curso

(de graduação ou graduação interdisciplinar ou especialização e/ou aperfeiçoamento)

Documento que apresenta o resultado de um trabalho experimental ou exposição de um estudo científico de tema único e bem delimitado. Deve ser elaborado com base em investigação original, constituindo-se em real contribuição para a especialidade em questão. É feito sob a coordenação de um orientador (doutor) e visa a obtenção do título de doutor, ou similar.

Projeto de Pesquisa

Documento que reúne o planejamento para o desenvolvimento e execução de um trabalho final. Segundo a ABNT, Projeto como descrição da estrutura de um empreendimento a ser executado e o Projeto de pesquisa como sendo uma das fases de pesquisa. É a descrição de sua estrutura;

Relatório Técnico e/ou Científico

Documento que descreve formalmente o progresso ou resultado de pesquisa científica e/ou técnica. É um relatório que apresenta, de forma sistemática, as informações necessárias, para um público especializado, traçando conclusões e realizando as devidas recomendações sobre o tema abordado. É desenvolvido em função e responsabilidade de um organismo ou de pessoa a quem será submetido

Artigo Científico

Parte de uma publicação, com autoria declarada de natureza técnica e/ou científica. O artigo pode ser original ou de revisão, onde o Artigo de revisão é parte de uma publicação que resume, analisa e discute informações já publicadas e Artigo original é parte de uma publicação que apresenta temas ou abordagens originais.

Monografia

Item não seriado, isto é, item completo, constituído de uma só parte, ou que se pretende completar em um número preestabelecido de partes separadas. É um estudo individualizado sobre determinado(s) assunto(s) ou tema(s)

Obs.: É um termo generalizado e utilizado de forma equivocada para todos tipos trabalhos desenvolvidos para conclusão de cursos acadêmicos (graduação, mestrado ou doutorado).

Trabalhos Acadêmicos / Universitários

Trabalho solicitado como atividade no decorrer de um curso sem obrigatoriedade de atender as normas técnicas cientificas e sem necessidade de catalogação. São compostos por resumos, resenhas, trabalho acadêmico disciplinar e tarefas de aula.

Resumo

O resumo apresenta os dados mais relevantes de um texto, seja ele proveniente de um livro, de uma pesquisa, de um material de aula ou de um outro documento qualquer.

Os resumos podem ser divididos em resumo de estudo ou de pesquisa:

Resumo de estudo

Utilizado para condensar as informações, facilitando o aprendizado. Neste tipo de resumo é necessário que o acadêmico adote as seguintes técnicas: 

    • Ler o texto que se pretende resumir mais de uma vez para melhor compreensão;
    • Selecionar as partes mais importantes, chamadas de partes primárias;
    • Excluir as informações menos relevantes, chamadas de partes secundárias. Os comentários e citações são exemplos de partes de secundárias;
    • Compactar e compilar as partes (primárias e secundárias) parafraseando-as, ou seja, reproduzindo a ideia do autor com palavras do próprio estudante.

Os resumos de estudo não possuem normas específicas, nem formatação padrão de apresentação, ou seja, não são regidas pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Portanto, não possuem limite de extensão. Cabe ao estudante diminuir a extensão textual, compactando as informações mais importantes a fim de tornar os estudos mais práticos e eficientes.

Sugere-se que o tamanho aproximado para um resumo de estudo bem trabalhado e fundamentado deve possuir uma extensão de até um terço da extensão total do texto original.

Resumo de Pesquisa

Utilizado para publicar e divulgar um trabalho de pesquisa (artigo, monografia, dissertação ou tese), sendo apresentado na língua vernácula e na língua estrangeira. Este tipo de resumo é regido pelas especificações da NBR 6028 da ABNT:

      • O resumo deve ressaltar o objetivo, o método, os resultados e as conclusões do documento;
      • Deve ser precedido da referência do documento, com exceção do resumo inserido no próprio documento;
      • Deve ser composto de uma sequência de frases concisas, afirmativas e não de enumeração de tópicos. Recomenda-se uso de parágrafo único.
      • A primeira frase deve ser significativa, explicando o tema principal do documento. A seguir, deve-se indicar a informação sobre a categoria do tratamento (memória, estudo de caso, análise da situação, etc)
      • Deve-se usar o verbo na voz ativa e na terceira pessoa do singular.
      • As palavras-chave devem figurar logo abaixo do resumo, antecedido da expressão “Palavras-chaves”, separadas entre si por ponto e finalizadas também por ponto.
      • Deve-se evitar:
        1. símbolos e contrações que não sejam de uso corrente;
        2. fórmulas, equações, diagramas etc. que não sejam absolutamente necessários; quando seu emprego for imprescindível, defini-los na primeira vez que aparecem.
      • Quanto a sua extensão, os resumos devem ter:
        1. de 150 a500 palavras os de trabalhos acadêmicos (monografia de graduação, pós-graduação, dissertações e teses) e relatórios técnicos científicos;
        2. de 100 a 250 palavras os de artigos de periódicos científicos;
        3. de 50 a 100 palavras os destinados a indicações breves.

Resenha

A resenha é um documento criado pelo leitor/observador contendo uma análise minuciosa e descritiva, por meio de uma avaliação completa deste documento, sendo inserindo o ponto de vista, a crítica e a contribuição do mesmo. Sugere-se que se conheça o assunto antes de criticá-lo. O texto deve ser constituído em vários parágrafos e com extensão e ilimitada e, como todo o documento acadêmico, deve ser escrito em terceira pessoa – mesmo quando colocado seu ponto de vista crítico.

    • Crítica

      Exame ou análise minucioso do mérito de obra cientifica, artística ou literária. Julgamento do mérito de um trabalho qualquer, destacando virtudes e defeitos. Capacidade para criticar; discernimento; critério.

Trabalho acadêmico disciplinar

O trabalho acadêmico disciplinar pode ser dividido em:

    • Intradisciplinar

      O trabalho acadêmico intradisciplinar é aquele trabalho comum solicitado pelo professor durante sua disciplina. Neste caso, se fornece um assunto ou um texto para que se estude e desenvolva uma fundamentação ainda não existente sobre um conteúdo da disciplina, a fim de que o aluno venha conhecer. É muitas vezes também apresentado em forma de seminário em sala de aula. 

    • Interdisciplinar

      Já o trabalho interdisciplinar envolve duas ou mais disciplinas do curso. Adequado para ser apresentado em eventos fora da sala de aula com uma exposição maior, como seminários, jornadas acadêmicas, congressos, entre outros eventos acadêmicos.

      O trabalho acadêmico é dividido nas três partes básicas do corpo do trabalho: introdução, desenvolvimento e conclusão final.

Referência Bibliográfica:

CAJUEIRO, Roberta Liana Pimentel. Manual para Elaboração de Trabalhos Acadêmicos: guia prático do estudante. 3. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2015.

FURASTÉ, Pedro Augusto. Normas Técnicas para o Trabalho Científico: explicação das normas da ABNT. 17. ed. Porto Alegre: Dáctilo Plus, 2013.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *